EXCELÊNCIA EM REABILITAÇÃO VISUAL COM LENTES DE CONTATO ESPECIAIS

Pesquisar este blog

quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Feliz Natal e um 2008 melhor para todos!


Caros pacientes, colaboradores e amigos,


É uma grande satisfação saber que neste ano de 2007 o IOSB adaptou lentes de contato especiais em centenas de pacientes. Entre estes grande parte portadores de córneas irregulares como ceratocone,pós-transplante, pós-cirurgia refrativa, astigmatismos elevados e os casos mais simples de miopia e hipermetropia.


Consolidamos assim mais um ano em que o IOSB afirma-se uma referência nacional e internacional na área de adaptação de lentes de contato.Os pacientes do IOSB vem de vários estados do Brasil em busca de soluções para seu caso, onde muitas vezes passaram por diversos especialistas e tiveram experiências frustrantes com outras lentes, não tolerando o uso. A adaptação de lentes personalizada para cada paciente, é feita de forma específica para cada córnea, com modificações as vezes microscópicas para que as lentes proporcionem o maior conforto, segurança e melhor acuidade visual. É uma tradição do IOSB resolver os mais complicados e complexos casos de ceratocone, pós-transplante e outras distrofias da córnea, além dos astigmatismos elevados, com soluções em lentes especiais de alta tecnologia e de ótima qualidade. Inúmeros pacientes são enviados por seus médicos quando estes não encontram soluções adequadas para seu paciente. O IOSB desenvolve a solução para o caso, revisa e reencaminha o paciente para seu médico para que este possa reavaliar e continuar o tratamento.

Agradecemos a todos os colaboradores, que tem papel importante para que possamos a cada dia oferecer serviços de mais qualidade, de forma mais rápida e com ótimos resultados. Os principais colaboradores do Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos são os colegas oftalmologistas, os fornecedores de serviços, a Ultralentes que fornece e desenvolve em conjunto com a clínica muitas das soluções em lentes de contato especiais, os prestadores de serviços como a Varig e a cadeia de Hotéis Plaza, o Residencial Jari, a Óptica Ultralentes que faz óculos de grande precisão e qualidade, e os demais fornecedores de materiais, lentes e medicamentos.Desejamos a todos um Feliz Natal e um 2008 melhor para todos, com saúde, harmonia, amor, prosperidade e muitos bons negócios.

Luciano Bastos
Diretor IOSB - Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos

terça-feira, 6 de novembro de 2007

Três anos se passaram...



Desde que meu pai faleceu após submeter-se a uma cirurgia preventiva, uma fatalidade que ao menos fez com ele não sofresse e que não tenha tido nenhuma dor, mal-estar ou declínio em sua qualidade de vida. Aos 73 anos, uma semana antes do procedimento, confidenciou em família que se ele morresse não queria que ficássemos tristes ou que mesmo chorássemos, pois ele estava satisfeito com sua vida até então, e com o que havia feito nela. Disse ter realizado todos os seus sonhos e sabia que eu estava pronto para continuar o seu trabalho e que meu talento seria importantíssimo para ajudar as pessoas que necessitavam de lentes de contato especiais para a sua reabilitação visual.

Nestes três anos, houve um renascimento da antes Clínica de Olhos Dr. Saul Bastos, agora como Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos. Muito estava feito, e ajudou muito, mas havia muito o que fazer e hoje podemos observar que a renovação se deu como deveria. Houve uma maturação com a vinda de médicos novos, convidados para compor o elenco de ótimos profissionais que passaram e que compõem hoje o staff do IOSB. Meu papel como diretor foi o de sempre não deixar os pacientes ficarem desamparados, pois sabemos que muitos deles já tinham passado por diversas clínicas até chegarem aqui. Hoje, o Dr. Marcelo Bittencourt, o Dr. Frederico Eggler e o Dr. Clodoaldo compõem o staff atual do Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos, e eu ajudo na parte de lentes de contato, com minha aptidão nata e com todo o preparo que meus professores, quase todos oftalmologistas, no Brasil, nos EUA e no Reino Unido, me possibilitaram. Tive a oportunidade de ser orientado por alguns dos mais brilhantes profissionais em lentes de contato no mundo, e isso me deu condições de ir além dos limites conhecidos em casos altamente complexos de córneas irregulares. Pude desenvolver novas lentes e desenhos para casos considerados até então impossíveis de se adaptar lentes, como ceratocones extremos, casos pós-transplante de córnea, pós-implante de anéis, pós-cirurgia refrativa, alta miopia e astigmatismos elevados, entre outros.

Cerca de 95% dos pacientes permanceram na clínica e ela continua a receber pacientes de todo o RS, de outros estados e inclusive do exterior. Isso é uma constatação de que o IOSB não só continua a tradição de seu saudoso fundador, Dr. Saul Bastos, mas como está honrando seu nome e consolidando esta instituição como uma clínica de referência mundial em reabilitação visual com a adaptação de lentes de contato especiais. Meu pai deve estar muito orgulhoso do trabalho que estamos realizando, e com certeza, de onde ele estiver, está iluminando a todos nós para que possamos fazer a cada dia melhor nosso trabalho. O IOSB tem o foco no paciente, esse é o objetivo principal, resolver da melhor maneira possível os casos e devolver ao paciente a melhor qualidade de vida possível.

Gostaria de agradecer a todos os pacientes, colaboradores, fornecedores que tanto tem contribuido para que nosso trabalho seja reconhecido e divulgado. O uso da tecnologia da internet hoje também tem um impacto muito grande, com nosso trabalho sendo divulgado por pessoas que conhecem nossa tecnologia e competência.

Obrigado a todos, estamos a sua disposição no IOSB.

Luciano Bastos
Diretor Administrativo
Técnico em Lentes de Contato Pela Contact Lens Association Of Ophthalmologists (CLAO - EUA).

segunda-feira, 29 de outubro de 2007

Indicações de Pacientes

Ao longo de décadas, tornou-se comum a indicação de pacientes com casos complicados de córneas irregulares para o Dr. Saul Bastos, e hoje a tradição é mantida por seu filho, Luciano Bastos, que juntamente com a equipe de oftalmologistas do IOSB (Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos) se encarrega de providenciar soluções em lentes de contato RGPs de alta performance, de forma absolutamente personalizada para cada paciente e para cada patologia e de acordo com as características individuais de determinado caso.
O IOSB tem a satisfação de poder ajudar aos colegas, e logo que o problema é resolvido, o paciente é reencaminhado ao seu oftalmologista para que este possa reavaliar o caso e até mesmo dar o acompanhamento. É uma política de parceria e de cordialidade, que mantém a tradição iniciada pelo fundador, o saudoso Dr. Saul Bastos. O IOSB quando recebe pacientes que os procuram e os casos são de outras sub-especialidades da oftalmologia, também reencaminha para estes colegas que muitas vezes tem grande experiência nesses casos. Acreditamos que essa é uma maneira de sempre estar focado na satisfação do paciente e interessado no seu bem-estar.
Hoje o IOSB conta com uma estrutura para receber pacientes não somente da grande Porto Alegre, mas como de diversas cidades do interior e de outros estados ou países. Contamos com convênios com hotéis próximos a clínica, horários e dias de atendimento personalizados, entre outros serviços que dispomos conforme a necessidade do paciente. Tudo é feito de forma a facilitar a estadia do paciente na cidade e de maneira que ele tenha todos os recursos necessários para isso.
Estamos a disposição dos colegas, muitos inclusive que já conheciam o trabalho realizado pelo Dr. Saul Bastos e seu filho Luciano, que hoje trata de levar adiante essa tradição, com resultados maravilhosos para todos os pacientes.


"O IOSB é uma homenagem ao grande oftalmologista e dedicado pai que ele foi, e ainda é, pois toda a experiência que ele me passou é aplicada no meu dia-a-dia." Luciano Bastos, comentando sobre o pai, Dr. Saul Bastos

O IOSB tem atendimento de Segunda a Sexta, e aos Sábados mediante marcação especial, das 08:30 as 19 horas. O contato com a clínica pode ser feito por telefone, e-mail ou MSN, ou diretamente, como segue:
IOSB - Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos
Rua Dr. Flores, 323 - 1o. Andar - Centro
Porto Alegre, RS - 90020-123
Telefones: (51) 3226 0746 - (51) 3226 2794 - (51) 8444 5050

domingo, 7 de outubro de 2007

Ampliação de Horários e da Equipe

O Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos está ampliando os horários disponíveis para atendimento, com a entrada de mais um oftalmologista que vem reforçar o quadro de profissionais. Com o crescente fluxo de pacientes vindos do interior do Rio Grande do Sul e de outros estados, principalmente, assim como de Porto Alegre, esta é uma medida em respeito e consideração a nossos pacientes, que merecem o melhor.

Teremos em a partir de Outubro de 2007, maior disponibilidade de horários, e eventualmente também a possibiidade de atendimento em horários especiais para aquelas pessoas que não podem consultar em horário comercial. Para obter maiores informações sobre os horários disponíveis, sobre os convênios e planos de saúde atendidos, entrar em contato com a sra. Vera nos contatos abaixo:

O IOSB está trabalhando para melhor atendê-lo, ficamos a disposição também para sugestões, críticas e dúvidas que possam surgir. Todos os comentários são analisados e conttribuem para a contínua melhoria de nossos serviços. Fiquem a vontade para entrar em contato por qualquer canal desejado, inclusive por aqui ou pelo website http://www.iosb.com.br/

Obrigado pelo seu interesse em nossos serviços e tecnologia.

Luciano Bastos

terça-feira, 18 de setembro de 2007

Adaptação de Ultracone de Última Geração em Ceratocone Extremo

Seguindo na linha das adaptações consideradas impossíveis, segue um vídeo no qual a paciente M.F., 22 anos, usa no olho direito uma Ultracone MS Advance, de curva 66x45 grau -26.50 diâmetro 10.2 mm. material UltraHydroGP. No olho esquerdo, a paciente fez um implante de segmentos de anéis intra-estromais em um olho que tinha uma curvatura extrema, usava uma Ultracone MS Advance de curva 71.50 x 48 grau -31.00 e diâm 11.5 mm. Após a colocação dos anéis, a curvatura baixou para 58x45 -17.00 mas nenhuma lente especial ficava boa, então desenvolvemos a Ultracone PCR (Post Corneal Ring), primeira lente desenvolvida para este fim em todo mundo. Acuidado Visual 20/30, usando as lentes entre 14 e 15 horas por dia, por enquanto sem sinais clínicos de erosão, hipoxia, aderência ou ceratite. A paciente foi indicada para Ceratoplastia, mas precisa de visão para tocar a vida. Com 22 anos e no auge de sua juventude, sem o uso destas lentes ela não consegue ver nada.


video

Music by: Dj Tiesto - Beautiful Things *

É importante citar que estes casos necessitam de um acompanhamento mais freqüente do que os demais casos, logo é recomendável que o paciente seja visto pelo oftalmologista em uma freqüência de 3 a 6 meses, para acompanhamento e verificação se não há necessidade de modificação da lente e se a saúde fisiológica da córnea e o conforto estão preservados. A lente do olho esquerdo deste caso, a lente inicialmente está com pouca mobilidade, mas no decorrer de alguns minutos passou a ter uma melhora sensível na mobilidade, como já é possível perceber no final do filme.

Estas lentes especiais de alta performance para casos de ceratocone avançados extremos foram possíveis por uma intensa e constante pesquisa clínica e científica conduzidas pela Ultralentes e pelo Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos (IOSB). Já estávamos fazendo até então, curvaturas de até 65 dioptrias em 1998. O Dr. Saul tinha alguns pacientes já na época usando protótipos dessa lente em curvas maiores de 60 dioptrias. O foco na performance é a nossa obstinação, e que nos alegra é saber que poderemos ajudar a milhares de pacientes com casos semelhantes, que estão na fila de espera do transplante de córnea, e poderão ter uma qualidade de vida e de visão no mínimo satisfatória durante esse período. Também ficamos felizes em saber que se os pacientes submetidos a ceratoplastia, seja a penetrante ou lamelar, se necessitarem poderão ser beneficiadas com as lentes Ultraflat MS, específicas para estes casos, logicamente aguardando o tempo necessário para a total recuperação e cicatrização do enxerto.

As pesquisas clínicas e científicas desenvolvidas pela equipe do IOSB e pela equipe Ultralentes, ajudam na reabilitação visual de milhares de pacientes por ano, com aprimoramento constante em materiais e tecnologias. Os pacientes do Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos são beneficiados ainda mais por estarem diretamente atendidos por toda uma sofisticada tecnologia e de recursos que permitem que tenhamos um índice de sucesso em adaptações especiais dos mais altos do mundo, em torno de 99,8% dos casos.

Esta é uma homenagem que faço a meu pai, Dr. Saul Bastos, que me deu toda uma base de conhecimentos para desenvolver estes trabalhos científicos com grande sucesso, e que me possibilitou estudar e trabalhar nos EUA e Europa com alguns de seus professores, os quais também foram meus mestres. Poucas, mas muito poucas pessoas no mundo, puderam trabalhar com os maiores especialistas no mundo em "design", adaptação e modificação de lentes de contato. Minha missão é ajudar as pessoas que precisam de uma "luz no fim do túnel".

Muito obrigado pai, continue me iluminando com a sua sabedoria e com o seu amor.

Luciano Bastos

Diretor IOSB - Ultralentes - Scitech Porton Technologies

*O áudio do filme é de uma música que tem uma letra interessante, se você puder compreender a letra, entenderá.

domingo, 16 de setembro de 2007

Adaptação de Lente Especial em Ceratocone Extremo

"Existem casos em que os melhores resultados são aqueles possíveis de se obter, e não aqueles que gostaríamos de obter." Dr. Saul Bastos - IOSB

"Esta frase que meu pai costumava lembrar em alguns casos realmente desafiadores e difíceis de resolver ainda é muito verdadeira, entretanto em 2004, antes de sua morte, estávamos próximos de desenvolver lentes com desenhos ainda mais complexos para casos de ceratocone avançado a extremos. Este caso abaixo, de um paciente tratado em 2007, mostra uma Ultracone personalizada, denominada por mim como uma Ultracone TriCurve MS. Trata-se de uma lente Ultracone com três curvaturas (71x48x45 poder -29.50 dioptrias e diâmetro 11.5 mm.) asféricas e duas de geometria reversa (curva reversa) mais uma periferia com 'blending' asférico." Luciano Bastos (Técnico em LC pela CLAO-USA) - IOSB

Para ver o artigo na íntegra, clique em > Fórum Ultralentes!

Paciente M.L. 43 anos, portadora de ceratocone em OS, usava lente Ultracone neste olho e uma lente Ultraflat em OD com transplante de mais de 5 anos, adaptadas pelo Dr. Saul Bastos, há vários anos, veio para revisão com o Dr. Marcelo Bittencourt e com o Luciano. Referia desconforto, foi constatado que houve grande progressão do caso. A foto mostra umas das lentes testadas, de curvatura 71x48x45 de poder -29.50 e diâmetro 11.5 mm. Acuidade Visual 20/25 com mínimo toque apical, pela fenda pode-se observar lágrima passando entre a lente e a córnea. Um dos chamados casos de ceratocone extremo. Esta paciente está com indicação de transplante e em espera de doador, mas usa suas lentes de 10 a 12 horas, sem sinais clínicos de erosão, ceratite ou queixa, podendo exercer suas atividades diárias e manter uma satisfatória qualidade de vida. Foi desenvolvida pelo Luciano, uma lente Ultracone personalizada para esta paciente, de maneira a atender as necessidades particulares desta córnea.


*Temos um filme o qual tentaremos disponibilizar, pois nele é bem mais fácil visualizar que passa lágrima e que a córnea tolera bem a lente.




Atendimento de Pacientes

O Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos tem a tradição de atender pacientes para a adaptação e readaptação de lentes de contato especiais, desenvolvidas pela Ultralentes, nos mais complexos e difíceis casos de córneas irregulares. Ceratocone desde iniciais até os mais avançados e também extremos, pacientes com transplante de córnea, com seqüelas de cirurgias refrativas, pós-trauma, degeneração marginal pelúcida, afacia, alta miopia e astigmatismos e outras distrofias da córnea, são resolvidos com máxima eficiência, graças há mais de 40 anos de pesquisa clínica e científica iniciada pelo seu fundador, Dr. Saul Bastos, e agora continuada, por seu filho Luciano Bastos, especializado no assunto há mais de 20 anos e pela qualificada equipe médica do IOSB.

Os pacientes do IOSB - Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos contam com horários de segunda a sexta feira, das 08:30 as 18:30. O instituto atende a diversos planos de saúde e convênios, tais como: Unimed, Ipe, Bradesco, Golden Cross, Cabergs, Petrobras, Medservice, UNI-Saúde (Unibanco), Sener, AMA, Amil, Pro-Work, OAB, SAS, Sindicato dos Psicólogos e Assembléia Legislativa de Porto Alegre. Está aberta a credenciar-se em outros planos de saúde e convênios mediante interesse.

O IOSB recebe semanalmente pacientes vindos de outras cidades do estado e do país, e para melhor atender a esta grande demanda que não reside em Porto Alegre, mantém convênios com a cadeia de Hotéis Plaza e com o Residencial Jari (apart-hotel), todos próximos, nas imediações do Instituto. O paciente que desejar aproveitar os preços de diárias especiais e se necessário acompanhamento e tratamento especial, podem entrar em contato com a Sra. Vera Klassmann através dos seguintes contatos:

Telefones: (51) 3226 0746 ou (51) 3226 2794

Celular: (51) 8444 5050

MSN: iosb_iosb@hotmail.com

E-mail: iosb@iosb.com.br

Web: http://www.iosb.com.br/

  • Observações:
  1. O prazo de entrega em média das lentes rígidas (RGPs ou gás permeáveis) fluorosiliconadas é de 48/72 hs. úteis, podendo estudar casos especiais.
  2. Os pacientes que vem de outras cidades e de outros estados para adaptação ou readaptação de lentes de contato, geralmente tem de permanecer por no máximo dois a três dias para que suas lentes fiquem prontas, sendo que em casos especiais podem ser estudados.
  3. Os pacientes que forem consultar para adaptação ou readaptação de lentes de contato deverão obedecer as seguintes condições para que suas lentes fiquem precisas: a) Ficar de 2 a 3 dias sem usar lentes se usar lentes rígidas gás permeáveis, b) Ficar de uma semana a 10 dias sem usar lentes de forem gelatinosas. Isso é fundamental para assegurar a precisão dos exames e do correto planejamento das novas lentes.

sábado, 18 de agosto de 2007

Ceratocone

É muito comum o paciente com ceratocone passar por vários profissionais, clínicas e hospitais oftalmológicos em busca de uma solução para o ceratocone, desde o ceratocone inicial ou incipiente até os severos e avançados. Muitos dos pacientes com ceratocone que nos procuram no Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos já passaram por vários profissionais, sem que tivessem conseguido êxito no uso de lentes especiais para corrigir o ceratocone, entre outras patologias.

Uma realidade que é difícil para o paciente compreender é que apesar de o Brasil ter uma oftalmologia do mais alto nível, mesmo comparável a países de primeiro mundo como os EUA, não são todos os oftalmologistas que estão devidamente preparados para tratar o ceratocone com adaptação de lentes de contato especiais, de desenhos complexos e geralmente casos extremamente complicados. A grande maioria dos oftalmologistas, mesmo os grandes especialistas na maior parte das vezes são bons em alguma sub-especialidade cirúrgica ou em tratamento, mas o forte deles não é a adaptação de lentes de contato. Existe um grande número de clínicas que inclusive relegam esta atividade a técnicos ou ou seus assistentes, e somente dão um parecer final.

Essa é uma realidade que não é apenas no Brasil que ocorre, principalmente na adaptação de lentes de contato no ceratocone. Mesmo os Estados Unidos, Canadá e alguns países europeus também tem essas mesmas dificuldades. A razão consiste em que nem todos os oftalmologistas passam por uma residência na qual eles são devidamente preparados para aprender a conhecer a relaçao lente/córnea e a avaliar uma boa adaptação, faltando um treinamento adequado. Os pacientes que passam por vários médicos e clínicas ficam muitas vezes desesperançosos em relação a conseguirem uma solução para o seu caso de ceratocone.

Quando estes pacientes chegam no IOSB, muitas vezes eles já vem com lesões decorrentes do uso de lentes de contato inadequadas ou mal-adaptadas que provocaram erosões de córnea e deixaram alguma opacidade na córnea, desta maneira, a adaptação de lentes de contato profissional do IOSB consiste em tratar o paciente para curar uma eventual lesão, e depois readaptá-lo com as lentes RGPs Ultracone, para garantir a ele conforto, a melhor acuidade visual possível e principalmente, assegurar a saúde fisiológica da córnea.

Já os pacientes que chegam pela primeira vez sem terem pelo menos insistido em outras lentes, fica mais fácil tratar, pois estes ao menos estão com a córnea ainda transparente e podem atingir uma ótima acuidade visual no ceratocone, igual ou melhor que 20/20, usando as lentes de contato RGPs especiais de alta performance Ultracone. Muitos pacientes tem a sorte de serem encaminhados ao IOSB por seus oftalmologistas, tanto em Porto Alegre como no interior e inclusive em outros estados. Estes pacientes são tratados e adaptados, o paciente faz as revisões e mesmo assim são reencaminhados a seus oftalmologistas para acompanhamento. Essa prática do coleguismo e da via de mão-dupla somente vem a beneficiar o paciente e aos seus médicos que tem do IOSB ampla cooperação.

O IOSB tem a tradição de resolver os mais complexos casos de ceratocone, sempre foi uma clínica pioneira. O Dr. Saul Bastos, foi um dos pioneiros no Brasil na adaptação de lentes de contato e foi quem trouxe ao Brasil a lente Soper para ceratocone. Através de muito estudo e pesquisa, desenvolvimento tecnológico, através também do laboratório Ultralentes, ele e seu filho Luciano Bastos desenvolveram a lente Ultracone, tipo Soper Modificada. Esta lentes especial para o ceratocone é hoje uma das melhores lentes do mundo para ceratocones desde os iniciais até os mais extremos. No começo adapta-se lentes até no máximo de 65 dioptrias, hoje a lente Ultracone pode ser adaptada até 75 dioptrias (curva da lente) e em casos de pacientes que apresentam topografias superiores a 80 dioptrias no ápice. Nenhuma outra lente para ceratocone chega a esses valores, e nestes casos o paciente já está obviamente com indicação clara para transplante e possivelmente em espera de doador.

O IOSB também é a clínica pioneira no mundo a adaptar as novas lentes Ultracone PCR, especiais para pacientes de ceratocone submetidos ao implante de anéis intracorneanos, com excelentes resultados. A técnica de implante de anéis pode beneficiar muitos pacientes com ceratocone, mas ao contrário do que se imaginava antes, nos quais o implante dos segmentos de anéis poderiam beneficiar a adaptação de lentes de contato, na verdade observa-se hoje que na verdade criou uma nova dificuldade, que é a elevação da porção da córnea na região onde se localiza a porção temporal inferior do segmento, causando freqüentes erosões e ceratites persistentes, levando o paciente a intolerância da lente. Na maior parte dos casos, o médico tenta lentes gelatinosas, ou mesmo Piggyback, para tentar resolver esta dificuldade, entretanto, pelo que podemos observar, as dificuldades inerentes ao uso de lentes gelatinosas no ceratocone (mesmo as especiais para ceratocone), e o uso de dois tipos de lentes e de dois sistemas de limpeza e conservação de lentes são pesados e difíceis de cumprir pelo paciente, e muitas vezes os resultados são insatisfatórios tanto para o médico como para o paciente.

Com a Ultracone PCR, estes pacientes podem ter uma nova oportunidade de usar lentes que permitam uma melhor acuidade (e qualidade) de visão, com menor incidência de complicações, e de maneira muito mais saudável, confortável e segura. É importante lembrar que o uso da consultoria digital com o laboratório Ultralentes, através do diretor de tecnologia e especialista em lentes especiais Luciano Bastos, permite que lentes absolutamente personalizadas possam ser feitas para solucionar casos de acordo com as particularidades individuais de cada córnea. Para isso, o uso de câmeras digitais, acopladas ou não a lâmpada de fenda, ao fazer o exame do padrão de fluorosceína no teste destas lentes. É importante salientar que muitas câmeras digitais portáteis, podem ser aclopadas manualmente na ocular da lâmpada de fenda para produzir fotos ou pequenos filmes do exame com lentes, para enviar posteriormente ao laboratório Ultralentes. Desta maneira, as lentes serão fabricadas de maneira personalizada de acordo com cada caso, e principalmente no ceratocone e em outras casos de córneas irregulares, essa pode ser a diferença essencial entre o sucesso e o insucesso na adaptação de lentes de contato especiais.

domingo, 12 de agosto de 2007

Reabilitação Visual com Lentes Especiais

O IOSB - Instituto de Olhos Dr. Saul Bastos é uma clínica pioneira no Brasil na reabilitação visual de pacientes com a técnica de adaptação e readaptação de lentes de contato RGP asféricas de alta performance. A clínica é especializada em patologias de córneas irregulares, tais como ceratocone dos casos incipientes até os mais avançados, córneas transplantadas, seqüelas de cirurgias refrativas como RK, PR e Lasik, assim como pós-trauma. Casos de alta miopia, astigmatismos elevados e outras distrofias visuais são igualmente resolvidos com a adaptação de lentes de contato especiais.

O fundador, Dr. Saul Bastos, falecido em Setembro de 2004, juntamente com seu filho Luciano, foi o idealizador da clínica e um dos responsáveis pelas novas lentes desenvolvidas na Ultralentes, para as mais diversas ametropias e patologias de córnea, onde a necessidade de soluções em lentes de contato são a melhor solução para o paciente. Tanto o Dr. Saul, como seu filho Luciano, tiveram especialização nos Estados Unidos e na Europa, atuando com os mais brilhantes especialistas no mundo.

O IOSB recebe pacientes de todo o Brasil, e também do exterior, para tratamentos com lentes de contato em casos complexos onde outros profissionais não tiveram sucesso. A clínica recebe semanalmente também pacientes encaminhados por outros oftalmologistas para fazer testes de adaptação ou readaptação de lentes de contato. Um dos problemas mais comuns resolvidos pela clínica são aqueles que os pacientes costumam dizer: "-não consigo me adaptar", "-não posso usar", entre outras.

O IOSB tem grande orgulho de colocar mais este canal de comunicação com nossos pacientes e com aqueles que procuram soluções para seus problemas. Se este for o seu caso, estaremos a sua disposição para colaborar e resolver o seu problema de visão da melhor maneira possível.

Desde já obrigado pelo seu interesse no IOSB.